Os rios da imensa Amazônia brasileira foram os caminhos escolhidos pelo diretor criativo Francisco Costa para um reencontro com suas raízes.